Seu pet ronca?

Texto: Dra.Thayana Queiroz (@cirurgiavet)

 

Seu cachorro é braquicefálico (tem o focinho curto e achatado) e ronca tão alto que parece um trator? Pois é, esse barulho acontece quando o palato mole prolongado se bate com a cartilagem epiglote durante a respiração, dificultando a passagem do ar para a traqueia! E essa é apenas uma das alterações que eles apresentam e que causam dificuldade respiratória.

O que mais eles podem ter associado?

- estenose nasal;

- conchas nasais hipertróficas;

- prolongamento de palato mole;

 - hipoplasia traqueal.

Todas essas alterações levam ao turbilhonamento do ar para a entrada das vias aéreas, podendo ocasionar alterações secundárias mais graves:

- eversão de sacos laríngeos (grau I de colapso laríngeo);

- colapso laríngeo.

 O colapso laríngeo é a última fase da síndrome braquicefálica e pode levar o animal a óbito em pouco tempo, pois as cartilagens da glote (garganta) perdem a força e se fecham totalmente, não deixando o ar passar (asfixia)! 

E você sabia que existem animais com menos de seis meses diagnosticados com colapso laríngeo? 

 Como evitar? Prevenindo! Não deixe que a doença evolua! Marque uma avaliação desde jovem e saiba como evitar problemas no futuro!

Para agendar uma consulta, ligue para (41) 3039-6644 ou mande mensagem pelo WhatsApp para (41) 9 8835 2013, (41) 9 9242 8355