Dar banho em casa, pode?

  Claro que sim, desde que observados alguns cuidados. Se você optar por dar banho no seu pet em casa, fique atento a essas dicas para evitar “acidentes de percurso”: - Escolha um local seguro e não favoreça quedas. A água deve ser morna, para que a experiência seja agradável; - Use produtos adequados para a raça ou tipo de pelo. Shampoo ou sabonete neutro são boas opções. Se seu pet tiver problemas de pele, o ideal é que o produto seja indicado por um veterinário. - Cuidado com shampoo nos olhos do seu peludo: podem ferir e até mesmo causar úlceras. Escolha produtos adequados para essa região; - Proteja os ouvidos do pet com algodão, para evitar que entre água nos canais auditivos, o que pode desencadear vários problemas, como otite. E lembre-se de retirar o algodão depois do banho!; - Deixar seu animal molhado pode favorecer o surgimento de micoses, então seque-o bem com a toalha e depois, se o pelo for longo, com o auxílio de um secador de cabelos (e lembre-se que o secador muito quente pode causar queimaduras); - O banho é o melhor momento para verificar se o seu bichinho tem alguma ferida na pele, se tem pulgas, carrapatos. - Antes e depois do banho, dê carinhos, petiscos, mime seu pet, assim ele vai associar o banho a algo bom e tudo vai ficar mais fácil e divertido para todos.