Plantão 24h (41) 3039-0000

Plantão 24h

(41) 3039 6644

Mau Comportamento / Patologias

Mau comportamento: o que fazer quando seu pet tira você do sério

Ninguém pode negar que cachorros são de marte e gatos são de vênus, na questão comportamental. Salvo algumas exceções, gatos são animais mais independentes, enquanto cães costumam ser mais bonachões. Mas quando o assunto é enlouquecer os donos, os nossos amigos de quatro patas fazem isso com maestria. Nessas horas, pesquisa, paciência e, em alguns casos, um bom adestrador e um veterinário especialista em comportamento, são a chave para um relacionamento bem-sucedido.

Como ensinar o animal a fazer as necessidades no local adequado?

Os gatos são quase autossuficientes nesse assunto. Ofereça uma caixa de área que não fique próxima da sua comida e ele vai resolver praticamente sozinho a questão do banheiro. Por outro lado, quando levamos um filhote de cachorro para casa, já devemos preparar o espírito para algumas semanas de sujeira pela casa. Vale lembrar que quanto mais novo é o animal menor a capacidade de segurar a urina, por isso é normal acontecerem os “escapes”, por outro lado cães adultos tem maior facilidade de segurar o esfíncter.
Independente da idade todos os cães devem passar pela avaliação do veterinário terapeuta, pois todos tem a capacidade para aprender.

Algumas dicas interessantes:

  • Não brigue com seu animalzinho quando ele errar o local do xixi
  • Sem brigar leve-o para o lugar que você gostaria que ele usasse para esse fim. O ideal é deixar esse local já com o cheiro do xixi, quando possível
  • Reforço positivo: agrade o animal com um carinho, ou com comida (própria para ele), sempre que ele fizer as necessidades no local correto
  • Nunca deixe o tapete, ou caixa de areia, próximo ao local onde o animal se alimenta. Ele pode se recusar a fazer as necessidades ou a se alimentar

O que fazer quando o pet é agressivo com outras pessoas e animais?

Animais domésticos viram parte da família. E quando um deles começa a ter dificuldades de socialização, que tornam a vida do seu dono complicada, é preciso paciência e informação para contornar o problema. Afinal de contas, ninguém gosta de não poder receber amigos e familiares porque o seu pet não sabe se comportar, certo?

Para essas situações, temos algumas dicas que podem ajudar:

  • Identificar os fatores que causam estresse no animal e verificar se é possível eliminá-los
  • Caminhadas na rua ajudam o seu animal a socializar-se com outros cães, além de promover o bem-estar dele
  • Adestramento: um bom profissional consegue trabalhar as dificuldades que o animal tem quanto à socialização

Como fazer para o meu animal de estimação ser bem-comportado?

  • Leve o seu animal para passear
  • Leve seu cachorro ou gato ao veterinário. Muitas vezes a agressividade pode ser reflexo de algum tipo de dor que o pet esteja sentindo
  • Reforce os comportamentos positivos
  • Não dê comida ao pet quando você está à mesa, pois ele irá pedir mais. Além disso, cães e gatos devem comer alimentos apropriados para a espécie deles

Problemas de mau comportamento? Ligue para o HVB e marque uma consulta com nossa especialista!