Plantão 24h (41) 3039-0000

Plantão 24h

(41) 3039 6644

Obesidade canina: quilos a mais, qualidade de vida a menos.

Assim como as pessoas, os cães também sofrem com a obesidade. Para muitos um animal gordinho é sinônimo de fofura, mas o sobrepeso pode trazer vários problemas à saúde dos nossos pets, diminuindo a qualidade e a expectativa de vida do cão.

A primeira causa da obesidade é a superalimentação. O excesso de peso nos cães deve-se a alimentos muito energéticos. Sem contar as “guloseimas” que muitos tutores insistem em dar a seus animais.

Nosso endocrinologista, Dr Luiz Sorbello, fala de balanço positivo de energia. “Para uma alimentação equilibrada, deve-se compensar os gastos energéticos com atividade física ou ajustar esses gastos às necessidades fisiológicas (crescimento, gestação, lactação, etc). É o mesmo que acontece com os seres humanos. Se você come mais do que gasta, você engorda. Se gasta o que come, mantém o peso. E se gasta mais, emagrece. Basta levar isso em consideração quando for pensar no cachorro”, diz Dr Luiz.

Segundo ele,  o ideal é seguir a recomendação de quantidade da embalagem da ração e não oferecer comida extra, além de passear diariamente com seu cão.

Se o seu cachorro sofre de excesso de gordura, é necessário buscar ajuda de um médico veterinário que irá rever a sua alimentação e se certificar de que os quilos supérfluos não se devem a outros desajustes, como doenças hormonais, por exemplo.